De ti, a ti…

Escapo a ti ao dormir, e a ti recordo ao acordar;

Em ti se amainam os desassossegos diários e intermitentes;

Para ti são os sorrisos contidos, aqueles que escapam pelas mãos;

Mas também são aqueles de lindo sorriso de marfim,

És o meu (r) encontro com o recôndito,

Não mais postergado a outras eras vindouras.

A ti, de ti, para ti só as emanações do sentimento arrebatado,

Que levam-me a um caminho que eu decidi trilhar, sozinho.. ou não..

Onde a importância do sentir é a realização máxima de uma felicidade

Nítida, lúcida, vivida e sem tantas amarras.

Descoberta que não é soltar-me de ti, mas para ti,

Para o suprarracional, de onde as respostas tem o seu simples valor

E onde o sentir tem a autoridade absoluta.

Aberto: como o abraço daquele ingênuo que teoriza utopias humanas.

Não que assim não esteja, mas só pela elevação.

Hoje, elevado e por ora, evoluído.

_____________________
Por: Thiago Soares (Tago Elewa Dahoma), fevereiro de 2012

Postado dia 21 de setembro de 2018…

Anúncios

Estrela(s) cadente(s)

Estrela(s) cadente(s),

Noite de tão intenso negrume,

Onde o andar vagueia por caminhos agrestes,

Mas de tal calmaria,

Onde as almas se tornam humanas

Na expectativa dos medos comuns.

Vento que se faz nosso, que nos aguça os sentidos,

No cheiro do lago que traz,

No farfalhar das palmeiras, no contato com a pele seca.

Noite de tão intenso viver,

No qual as estrelas se fazem guias,

Despertas como nunca, em união ao breu.

Escuridão que acalanta, ao posar os olhos no céu.

E vê-los tão interessados em minha existência,

Em meus sentimentos, sorriso e paz.

Nesta noite que se fez minha, que me fez outro

Senti, à relva, o gozo e no limiar, a estrela cadente..

Cadente que cadenciou.. Gozo que se fez antegozo,

Clímax de véspera. Raro momento com duração de intensos orgasmos.

Ainda assim: duplicado. Lindo corte a passar pelo céu,

Como um rabisco feito de brilho.

De olhos abertos, peito arquejante e jóia do Infinito.

Feliz. Completo. Vivo. Em transbordo sentimental. Meu. Único.

Por: Tago Elewa Dahoma.

astronomy-comet-constellation-631477